Vidas sem destinos (Artigo de Jornal)

"Estado de exceção" (Agamben, 2015) é um modo de gerir o poder mediante dispositivos abusivos que suprimem a legalidade e ameaçam os direitos de cidadania e a democracia. Este estado de exceção também aparece como uma "necropolítica" (Mbembe, 2011), política de morte que toma forma de um culto macabro. A violência letal canalizada pela repressão... Continuar Lendo →

Democracia de conveniência (Artigo de Jornal)

O capitalismo precisa da democracia? A resposta é incerta. Verdade que capitalismo e democracia avançaram juntos em alguns momentos, nos últimos dois séculos, mas não se inspiram em mesmos ideais. O privado teme o ideal redistributivista do público. Historicamente falando, o capitalismo lida com dificuldades com a participação social, pois isso implica compartilhar decisões estratégicas... Continuar Lendo →

Corrupção e trapaças do poder

Corrupção é uma palavra que tem ressonâncias políticas intensas dependendo do modo como ela é usada como narrativa de poder. Ela gera indignações aparentemente profundas do que se autodefinem como "honestos", mas funciona como um atrator irresistível para aqueles indivíduos cujas honestidades são negociadas quando aparecem oportunidades de vantagens pessoais mesmo que às custas do... Continuar Lendo →

Quem são os pardos no Brasil? (Artigo de Jornal)

Quem são os pardos? São eles negros? Ou são eles mestiços que aspiram a branquitude? O debate é fundamental para esclarecer a relação entre lutas étnico-raciais e democracia. Há setores do movimento negro que sustentam que a maioria dos pardos brasileiros são negros. O cálculo é duvidoso considerando haver muitos pardos entre militares de baixa... Continuar Lendo →

Racismo colonial (Artigo de jornal)

A tese do racismo estrutural sugerida por Silvio Almeida tem tido reconhecimento entre os estudiosos do tema, no Brasil, na medida que, segundo ele, a discriminação integra "a organização econômica e política da sociedade" (Almeida, 2019, p. 15). A tese é relevante por demonstrar que o racismo não é apenas expressão de comportamentos "anormais" de alguns indivíduos ou grupos... Continuar Lendo →

Soberania mutilada (Artigo de jornal)

Continuamos a viver, nesta segunda década do século XXI, os mesmos dilemas que nos marcam desde o período colonial, passando pelo Império e pela República. Estes dilemas têm relação com as dificuldades, sobretudo políticas, para a emancipação de um projeto de sociedade nacional. Pelo termo emancipação nos referimos à construção de uma autoconsciência cívica e... Continuar Lendo →

Pra quê dinheiro? (Artigo de Jornal)

Episódio do podcast República de Ideias sobre o artigo. Na canção de Martinho da Vila, o dinheiro vale menos que a viola. A música, para ele, é garantia de vivência lúdica imperdível, pois sambar até o dia raiar é uma experiência que o dinheiro não paga. A mensagem da música é simples, mas convidativa por... Continuar Lendo →

Site no WordPress.com.

Acima ↑